Concreto esconde história de quilômetros de rios em São Paulo

Sob o solo da cidade de São Paulo existe uma malha hidrográfica. E basta uma forte chuva para que centenas de córregos e riachos voltem a superfície. Acompanhe no segundo capítulo da série: Água pior do que está pode ficar?…

Seu Jornal/TVT, repórter Márcia Telles, 26/03/2013.

Anúncios

Rios e Ruas no Jornal da Cultura – TV Cultura SP

Pinheiros e Tietê. Ao se pensar em rios da cidade de São Paulo, estes dois são os primeiros – senão, os únicos – que vêm a mente! Mas a prefeitura da cidade tem cadastrados mais de 300 rios que, mesmo com a urbanização, estão vivos e continuam correndo – muitas vezes, sob o asfalto…

Jornal da Cultura, repórter Adriana Cemino, 04/12/2012.

Políticas de Drenagem Urbana

Politics of Urban Runoff *
Nature, Technology, and the Sustainable City

Andrew Karvonen

Quando a chuva cai sobre a cidade, ela produz enxurradas urbanas que causam inundações, erosão e poluição da água. Engenheiros municipais gerem uma complexa rede de sistemas técnicos e naturais para tratar e eliminar esses fluxos de água temporários das cidades tão rapidamente quanto possível.

A drenagem urbana é frequentemente discutida em termos de conhecimentos técnicos e de gestão ambiental, mas engloba uma multiplicidade de questões não técnicas como o uso do solo, qualidade de vida, governança, estética e identidade comunitária, e é uma questão central para debates mais amplos sobre a criação de cidades mais sustentáveis e habitáveis. Continuar lendo

O Rio Uberabinha “PASSAVA” na rua Ibijaú?

“…E como você sabe Brasil eu minha família já moramos em uma área de risco quando viemos para São Paulo, Rua Jauaperi esquina com a Ibijaú ao lado do corrego Uberabinha, e posso garantir a quem quer que se interesse por um breve histórico aí de 1956 pra cá, que, a cada ano que se passava a coisa só piorava, haviam alguns anos em que nada acontecia, e outros em que tinhámos que acordar no meio da noite para levantar o que podia ser levantado, e ver as aguas levarem aquilo que não era dela…” Manoel Ferreira, comentário no blog do Ricardo Kotscho/IG, em 02/02/2010 – http://goo.gl/lQNTp Continuar lendo

Crônica de uma tempestade anunciada

Cidade de São Paulo sai do estado de atenção – A cidade de São Paulo enfrentou nesta sexta-feira o 45º dia seguido de chuvas. O Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) da Prefeitura decretou estado de atenção em todas as regiões das 17h25 até as 18h20, quando as chuvas diminuíram… IG São Paulo – Último Segundo.

Hoje tivemos mais uma forte tempestade em São Paulo. Aqui no Butantã, a tempestade com fortes rajadas de vento começou por volta das 15h e durou pouco mais de 20 minutos. Eu moro no oitavo andar e 3 janelas do meu apartamento receberam a chuva de frente. Continuar lendo